GOVERNANÇA DE DADOS – QUAIS OS PRIMEIROS PASSOS?

Implantar a Governança de Dados na sua empresa é essencial para evitar autuações administrativas e problemas jurídicos com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). O problema é que muitos empreendedores ficam confusos com o excesso de informações! Não sabem por onde começar e acabam investindo recursos em serviços desnecessários que não adequam seu negócio à legislação. Para ajudá-lo elaboramos este post: Como dar os primeiros passos e implantar a Governança de Dados em sua empresa? Acompanhe nossas dicas!

Governança de Dados
Governança de Dados

ESCOLHA CORRETAMENTE A BASE DE TRATAMENTO DE DADOS DE SUA EMPRESA!

Antes de investir recursos contratando serviços é importante que você escolha corretamente a base de tratamento de dados em sua empresa!

O tratamento de dados pessoais pode ser realizado, além de muitas outras bases jurídicas, com base no consentimento, na execução de contrato ou no legítimo interesse, que são os fundamentos mais comuns nos negócios presenciais ou digitais.

Entender qual a base jurídica que se aplica ao seu negócio, ou escolher uma das bases jurídicas, é fundamental pois todas as estratégias serão elaboradas com base na fundamentação jurídica! Fique atento!

Para compreender a base jurídica recomendamos que consulte um advogado especializado para analisar o seu negócio e seus processos empresariais. É que escolher uma das bases jurídicas não é uma tarefa fácil e demanda o manejo das técnicas jurídicas e fontes confiáveis! Além do mais, o tratamento de dados representa um risco jurídico que deverá ser bem administrado para não ter problemas!

ENTENDA OS DIREITOS DE SEUS CLIENTES, COLABORADORES, PARCEIROS E FORNECEDORES!

Um passo importante para implementar a Governança de Dados e evitar problemas jurídicos é compreender bem quais os principais direitos daqueles que se relacionam com sua empresa!

O principal impacto da proteção de dados pessoais para o seu negócio é compreender que os seus clientes, colaboradores, parceiros e fornecedores possuem direitos quanto aos dados pessoais deles que você armazena ou gerencia na sua empresa!

Para compreender os principais direitos do consumidor quanto à gestão de dados privados temos um post específico: “Dados Pessoais – Como Defender a Privacidade?”.

Entender bem os direitos do consumidor o habilitará a implantar a Governança de Dados com respostas céleres aos interesses de seus parceiros e consumidores, evitando problemas e transmitindo confiança.

PARA A GOVERNANÇA DE DADOS REFORCE A SEGURANÇA DIGITAL DO SEU NEGÓCIO!

Para a Governança de Dados e adequação do seu negócio à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é muito importante reforçar a segurança digital!

É muito importante garantir que os dados pessoais de seus clientes e parceiros estejam protegidos contra roubos e invasões. Também é essencial que esses dados tenham um ciclo de vida, sendo eliminados ao fim do tratamento de dados. Por fim, é muito importante garantir que estes dados estejam disponíveis às pessoas autorizadas e possam ser consultados a qualquer momento, com respostas prontas e céleres.

Para a segurança digital não há atalhos! É indispensável o investimento em tecnologia e a eliminação de rotinas manuais, que aumentam os riscos para o seu negócio.

Mas dando esses passos simples você iniciará a implementação da Governança de Dados fortalecendo e adequando o seu negócio à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)!

COMO IMPLEMENTAR A GESTÃO DE DADOS PESSOAIS EM SUA EMPRESA?

É muito importante que os empreendedores, tanto no ambiente digital como no ambiente presencial, tenham uma noção mais aprofundada da gestão de dados e do impacto sobre os seus negócios para evitar problemas jurídicos.

Por esse motivo, recomendamos as seguintes ferramentas que poderão auxiliá-lo nos desafios de implementar modelos de Governança de Dados que respeitem os Direitos do Consumidor.

O primeiro livro que recomendamos é Proteção de Dados Pessoais: A Função e os Limites do Consentimento. É um livro jurídico sobre a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais que aborda os conceitos de dados pessoais, dados anônimos, o legítimo interesse e o consentimento. Fornece subsídios para a due diligence e a implementação da efetiva gestão de dados pessoais conforme a legislação.

O segundo livro que recomendamos é Governança de Dados: Práticas, conceitos e novos caminhos. Embora completo, é um livro com linguagem mais simples e de fácil leitura e entendimento. Apresenta o conceito de governança de dados pessoais e sugestões práticas para sua implantação nas empresas com subsídio na Lei Geral de Proteção de Dados.

Também ganha cada vez mais destaque a consultoria jurídica no Direito Digital. No caso dos empreendedores é de vital importância a consultoria jurídica também de um advogado de confiança para análise do negócio, dos impactos da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) sobre a organização e para a instituição de programas de governança e boas práticas de gestão. Saiba que o tratamento inadequado de dados privados poderá resultar em autuações administrativas e problemas jurídicos!

Leia também
BACKUP CLOUD – QUAIS OS PRINCIPAIS BENEFÍCIOS PARA O SEU NEGÓCIO?
Backup Cloud

Por que sua empresa deveria investir no Backup Cloud? Como você já percebeu, guardar documentos no formato físico é praticamente Read more

ROTINA PRODUTIVA – COMO FAZER MAIS COM MENOS ESFORÇO?
Rotina Produtiva e Equilíbrio

A busca por uma rotina produtiva com metas e objetivos no seu negócio ou na sua vida profissional pode deixá-lo Read more

BACKUP EM NUVEM – COMO TORNAR SUA EMPRESA MAIS SEGURA?
Consultoria Empresarial - Backup Cloud

O backup em nuvem é uma ferramenta que une criptografia e segurança para adequar o seu negócio à Lei Geral Read more

GESTÃO FINANCEIRA – COMO PROFISSIONALIZAR O SEU NEGÓCIO?
Gestão Financeira

Realizar a gestão financeira corretamente é essencial para o sucesso do seu negócio! Sem relatórios detalhados da situação financeira da Read more